A importância da inteligência emocional no ambiente de Trabalho

      Por Grupo Kronberg - (0) Comentários Em 18-05-2017
      Inteligência Emocional

    inteligência emocional

    Conseguir uma atuação profissional destacada exige cada vez mais habilidades. Tarefas complexas, busca por resultados de alto nível, clientes cada vez mais exigentes, para dar conta de tudo isso é necessário muito mais do que apenas um bom desempenho intelectual.

    Em resposta a isso, cada vez mais o conceito de inteligência emocional é valorizado, já que mostra um aumento da capacidade de resiliência, característica essa que é fundamental para vencer os muitos desafios diários.

    Para te ajudar a entender um pouco mais sobre esse conceito, listamos algumas dicas que mostram a importância da inteligência emocional no ambiente de trabalho. 

    Permite ter uma empresa saudável 

    Quando se fala em saúde empresarial, logo se faz uma relação com a questão financeira, porém o conceito aqui aplicado vai muito além disso.

    Uma empresa saudável é aquela em que seus líderes e colaboradores estão atuando da forma mais favorável possível, tanto para atingir os propósitos da empresa como para atingir seus fins pessoais.

    Mais do que atuar motivado, um profissional que aplique os conceitos da inteligência emocional se mostra extremamente preparado para realizar qualquer tarefa e essa confiança permite buscar resultados maiores, o que é favorável em todos os aspectos.

    Facilita a formação de líderes mais influentes

    A inteligência emocional tem uma relação muito particular com o poder, já que a presença ou ausência dela que acaba impactando de forma positiva ou negativa na relação com os liderados.

    Um líder estável emocionalmente acaba, de alguma forma, passando isso para a sua equipe, o que naturalmente faz com que ele seja referência positiva e uma grande influência para que todos sigam pelo mesmo caminho.

    Leva a um maior poder de análise dos fatos

    Quando surge algum problema que acaba afetando toda a empresa como, por exemplo, a queda nas vendas, muitas vezes se busca fatores externos para tentar explicar o que está ocorrendo.

    Por mais que isso influencie, em diversas ocasiões, são os problemas internos que estão levando a esse resultado aquém do esperado.

    Como a inteligência emocional se desenvolve a partir do autoconhecimento, uma empresa que tenha profissionais com essa habilidade terá mais facilidade para olhar para dentro e fazer a devida análise interna, o que é fundamental para identificar os problemas existentes, melhorar os processos e criar uma estratégia que permita solucionar as questões problemáticas.   

    Que tal receber dicas que podem te levar a um outro nível de desempenho profissional? Assine a nossa newsletter e receba esse conteúdo diretamente no seu e-mail!






Assine nossa newsletter e não perca nossas novidades!