Como a inteligência emocional (IE) contribui no desenvolvimento dos líderes da empresa?

      Por Grupo Kronberg - (0) Comentários Em 30-10-2017
      Liderança

    O atual contexto competitivo global fez com que o papel do líder dentro de uma organização passasse por diversas mudanças quando comparado com profissionais que exerciam funções de liderança há algumas décadas. A competência técnica é uma dimensão insuficiente para empresas conquistarem a confiança dos agentes de mercado e para pessoas em posição de liderança atrair, desenvolver e reter talentos em suas organizações. Intenções, valores, pertencimento, propósito, integridade, confiança (motivadores intrínsecos) passam a ser dimensões indispensáveis para empresas e líderes atuarem com sucesso no mundo VICA (Volátil, Incerto, Complexo e Ambígüo). Ou seja, não será com nossa competência técnica e motivadores extrínsecos (salário, bônus, status) apenas, que promoveremos ações de criação de valor por meio de pessoas.

    A inteligência emocional é a caixa de ferramentas que nos habilita a endereçar motivadores intrínsecos, indispensáveis para as novas gerações, e a promover um clima organizacional conducente à libertação das necessárias habilidades para a era da inovação – iniciativa, criatividade e paixão.

    A inteligência emocional consiste no desenvolvimento de habilidades com o objetivo de identificar e regular as emoções, de forma a construir diálogos e relacionamentos produtivos com base em um processo estratégico de reflexão. Diferentemente do que muitas pessoas acreditam, a IE não significa ignorar as emoções, mas transformá-las em recursos estratégicos a nosso favor e de nossos interlocutores. A vida não precisa ser um jogo de soma zero!

    Com esse processo, o profissional consegue identificar com mais objetividade como se sente em diferentes situações do dia e responder mais eficazmente aos estímulos, como desafios da gestão, diálogo com os colaboradores, lidar com conflitos, promover as emoções corretas para tarefas específicas, inspirar as pessoas, etc. Um exemplo é a capacidade do individuo de avaliar as características do interlocutor antes de emitir uma mensagem, garantindo mais assertividade na comunicação.

    Assim, a inteligência emocional tem um papel fundamental no desenvolvimento de líderes no atual cenário corporativo e econômico, fazendo com que as emoções improdutivas possam ser trabalhadas e gerem reações que agreguem às situações em vez de intensificar atritos e disputas, por exemplo.

    O treinamento de inteligência emocional é indicado para todas as empresas, pois contar com profissionais com essas habilidades proporciona benefícios independentemente do setor de atuação.

    Qual a relação entre inteligência emocional e desenvolvimento de líderes?

    Antigamente era comum que líderes fossem temidos em vez de respeitados, fazendo com que os colaboradores não se sentissem confortáveis no ambiente de trabalho. Entretanto, o cenário atual é bastante diferente e para ser líder em uma equipe o respeito, a confiança, a integridade, a autoconsciência, a autorregulação, a empatia e propósito são imprescindíveis.

    Por exemplo, um anúncio negativo de um colaborador muitas vezes pode provocar irritação e mal humor, entretanto, demonstrar essas emoções pode não ser construtivo para a equipe e prejudicar o desemprenho de outros profissionais devido uma reação indevida.

    A inteligência emocional também promove uma maior capacidade de empatia no líder, assim ele torna-se mais capaz de se colocar no lugar do outro e avaliar a situação sob outra perspectiva. Essa capacidade é essencial em situações de conflito, mediação e também em negociações. Portanto, são várias as atribuições do líder que exige um melhor controle e reflexão sobre as emoções.

    Pesquisas nestas duas últimas décadas demonstram que a IE é uma habilidade mais importante que nossa competência técnica para lidarmos com a complexidade do atual ambiente de negócios e da sociedade humana neste século.

    A boa notícia é que nossa inteligência emocional pode ser medida e desenvolvida! Independentemente de idade. Basta o foco, técnicas validadas cientificamente de desenvolvimento da IE, a energia direcionada para este desenvolvimento e a repetição para consolidar este aprendizado em uma nova habilidade conquistada.






Assine nossa newsletter e não perca nossas novidades!