A importância da psicologia positiva no ambiente de trabalho

      Por Grupo Kronberg - (0) Comentários Em 07-11-2017
      Inteligência Emocional

    De acordo com múltiplas pesquisas, colaboradores que se sentem satisfeitos, valorizados e felizes no trabalho tem desempenhos melhores do que aqueles que se sentem descontentes, preocupados ou isolados.

    Durante muito tempo, a psicologia focou seus esforços em entender sobre nossas emoções negativas — o que leva ao sentimento de frustração, desespero, desmotivação, etc.

    No entanto ao longo desta última década, muito mais esforço tem sido empregado para descobrir o que nos deixa feliz.  Neste contexto, o termo “psicologia positiva” foi empregado para designar a mudança de foco da psicologia, que busca, cada vez mais, entender o que nos leva a alegria, bem-estar, otimismo, esperança.

    A Psicologia Positiva tem demonstrado como as emoções positivas estão conectadas com a boa saúde, longevidade e qualidade de vida. Quando estimulada no ambiente do trabalho, a psicologia positiva encoraja líderes a praticar métodos que despertem emoções positivas nas equipesgerando assim melhores resultados de negócios e melhor saúde mental e física nas empresas.

    Benefícios da Psicologia Positiva no ambiente de trabalho

    Quando uma organização adota uma cultura interna que promove a positividade nas relações, o objetivo é ajudar que os colaboradores —  e, por consequência, a empresa — alcancem o máximo potencial, trazendo benefícios como:

    • Maior produtividade individual e coletiva;
    • Maior engajamento dos colaboradores;
    • Habilidade para resolução de problemas e conflitos;
    • Mais disposição para se envolver nas questões do trabalho;
    • Pensamento original e criativo;

    Considerando que, usualmente, as pessoas passam metade de seus dias dedicados ao trabalho, muitas organizações e donos de negócios entendem cada vez mais que utilizar a psicologia positiva no ambiente de trabalho é imperativo.

    Se a empresa não desenvolver um clima de positividade, o cotidiano sobrecarregado dos colaboradores atuará contra o próprio negócio, inclusive causando um aumento dos problemas de saúde nos funcionários, o que gera afastamentos, licenças e prejuízos para a empresa.

    O contrário é que colaboradores satisfeitos e motivados por terem seus pontos positivos valorizados pelos colegas e pelos gestores tornam-se mais produtivos, aumentando a lucratividade do negócio. Eles também têm menos problemas de saúde, pois lidam com as turbulências no dia a dia com suporte dos demais e resiliência fortalecida pela positividade.

    A adoção da psicologia positiva no ambiente de trabalho, entretanto, depende de uma cultura interna em todas as áreas do negócio.

    5 pilares para promover a psicologia positiva no ambiente de trabalho

    Um modelo desenvolvido pelo Professor Martin Seligman ¾ também conhecido como o “pai da psicologia positiva” ¾ mostra os 5 pilares da psicologia positiva: emoções positivas, engajamento, relacionamento, propósito e conquistas.

    Emoções Positivas

    As pessoas fazem melhor quando estão felizes. Quando o humor está em níveis elevados, as pessoas definem metas maiores e persistem mais arduamente para seu alcance. Também, fruto das emoções positivas, são apresentadas melhor cooperação em time e maior capacidade de resolução de problemas. Pessoas em estados positivos se sentem mais seguras e mais abertas ao aprendizado e novas experiências.

    Cabe, então, aos líderes promoverem estes estados emocionais com mais frequência, criando oportunidades em que as emoções positivas, como alegria, otimismo, serenidade e aceitação sejam manifestadas.

    Engajamento

    Precedido pela motivação, refere-se ao estado psicológico que leva as pessoas a estarem profundamente comprometidas com uma causa.

    Para maximizar o engajamento no ambiente de trabalho, o desafio da liderança é potencializar a forma como as pessoas utilizam seus pontos-fortes.  Estudos no campo da psicologia positiva demonstram que quando nossos pontos fortes são estimulados por meio de novos e inovativos métodos, alcançamos maiores níveis de felicidade.

    É importante reconhecer os pontos fortes individuais e não assumir que cada membro da equipe tem os mesmos pontos fortes. Uma vez identificados e estimulados em detrimento de pontos fracos, o impacto positivo será para a organização como um todo.

    Relacionamento

    Vários são os benefícios das relações positivas no trabalho, tipicamente incluindo melhor produtividade, melhor atração de talentos e taxas de retenção de talentos existentes mais altas.

    Líderes podem promover relações profissionais positivas ao permitir e encorajar oportunidades para que as pessoas se socializem umas com as outras em situações formais e informais.

    Além disso, relacionamentos representam, junto com propósito, a principal pré-condição para saúde e bem-estar na velhice (ver no ted.com; a fala de Robert Waldinger).

    Propósito

    Quando as pessoas descobrem “por que” fazem o que fazem, suportam mais facilmente “o que” e “o como” em suas vidas, vêem que os esforços de seu trabalho têm impacto positivo na vida de outras pessoas, e assim todo tipo de trabalho torna-se mais gratificante.

    O treinamento de liderença podem criar o senso de propósito no trabalho ao ajudar com que os colaboradores vejam o real impacto positivo de suas tarefas, e cada trabalho realizado é uma oportunidade de estimular este senso.

    Conquistas

    O sentimento de conquista de um trabalho ou projeto desenvolvido pode ser amplificado por líderes com o objetivo de promover relações positivas.

    Celebrar os marcos de um projeto, por exemplo, é uma grande oportunidade de criar relacionamentos positivos ao juntar as pessoas e compartilhar histórias de sucesso.






Assine nossa newsletter e não perca nossas novidades!